Como promover seus conteúdos em seus canais digitais

Os canais virtuais são essenciais para o sucesso do marketing digital da empresa. Quer descobrir como usá-los na sua estratégia de promoção de conteúdo? Veja as dicas.
Promoção de conteúdo- como distribuir de forma adequada

Uma pesquisa realizada pela Demand Metric mostrou que 90% das empresas entrevistadas usam o conteúdo na estratégia de marketing digital. Além disso, 78% dos CMOs (diretores de marketing) disseram que a promoção de conteúdo é o futuro da divulgação digital. Contra as provas, não há argumentos. Porém, saber da eficiência dessa prática não garante o sucesso dela nos canais digitais.

Existem uma série de mecanismos que precisam ser estudados, entendidos e testados para descobrir qual é o melhor caminho a trilhar na distribuição de conteúdo. Neste artigo, mostrarei como realizar uma estratégia eficiente de promoção de conteúdo nos principais canais digitais. Acompanhe os próximos tópicos!

O que são os canais do marketing digital?

marketing digital é uma forma de aquisição de clientes que surgiu com a invenção da internet. Dentro dele, há diversos canais com características específicas, como as redes sociais, e-mail, sites e assim por diante.

Juntos, compõem uma espécie de rede que visa a trazer para a empresa uma audiência cada vez maior. O próximo objetivo é converter esse público em clientes, além de fidelizá-los, engajá-los e torná-los embaixadores da marca. Os canais de marketing digital mantêm a sobrevivência da organização no disputado ambiente virtual.

Como fazer a promoção de conteúdo nos canais digitais?

De acordo com um estudo realizado pela Statista (empresa alemã de estatísticas), o número de usuários da internet no mundo chegou à marca de 4,57 bilhões. Desses, 3,81 bilhões são ativos nas mídias sociais. Uma quantidade impressionante, concorda? Aí está mais uma razão para realizar uma eficiente promoção de conteúdo nos canais digitais.

Vejamos a seguir como atingir esse objetivo.

Facebook

A mesma pesquisa feita pela Statista revelou que o Facebook tem mais de 1 bilhão de usuários ativos. É muita gente procurando e compartilhando conteúdo nessa que é a rede social mais acessada na internet. O segredo para o sucesso nesse canal é alinhar a persona (público-alvo) e o tom de voz da marca com as funcionalidades e os conteúdos que serão postados.

Mas como fazer isso? Darei algumas dicas.

Por meio das lives (transmissões ao vivo), a empresa pode se aproximar do público para responder a perguntas sobre novos produtos ou serviços e reforçar os laços da comunicação. Isso ainda ajuda na coleta de feedbacks e ideias vindas dos consumidores. Agora, vale lembrar que as lives precisam ser divulgadas com antecedência para que haja audiência no dia e na hora da transmissão.

Esse é apenas um modelo de conteúdo para o Facebook. Outro tipo são as postagens com imagens, títulos, descrições e links que direcionam para um artigo, uma página etc. Para alcançar os melhores resultados, utilize a ferramenta debug que permite a otimização e a exibição de links como se fizessem parte da própria estrutura do Facebook. Dessa forma, a atração para o conteúdo direcionado será muito maior.

Twitter

O Twitter também tem uma posição de destaque no ranking dos canais sociais com maior número de usuários. O propósito do Twitter é apresentar tópicos curtos, diretos e com um tom despojado sobre assuntos do cotidiano.

Uma das formas de destacar os conteúdos da empresa no Twitter é utilizando os trending topics (TTs), que são os temas mais comentados do momento. Vale a pena conferir os TTs para ver a possibilidade de inserir a marca no círculo das interações e posicionar a opinião dela. Assim, a empresa chama a atenção e pode receber novos visitantes no seu blog, site ou rede social.

Além disso, os temas “mais quentes” são verdadeiras inspirações para novos conteúdos que a marca pode citar e indicar nos seus comentários. É verdade que o número de caracteres (288) de uma postagem no Twitter reduz bastante o tamanho do conteúdo. Porém, o texto pode ser dividido em várias menções no próprio tweet da empresa ou inserido no formato de imagem.

Não esqueça que essa rede social também permite o upload de GIFs, enquetes, vídeos e outras imagens com links para demais redes sociais ou canais de promoção de conteúdo. Diante dessas possibilidades, os caracteres limitados do Twitter não são um grande empecilho para a divulgação.

Instagram

O apelo do Instagram é visual – e quer melhor maneira de atrair público para o seu conteúdo?

O primeiro passo para ter sucesso nesse canal digital é aprendendo a usar as famosas hashtags (#), que funcionam como uma porta que leva os usuários aos conteúdos da marca. Porém, essa estratégia pode ser uma “faca de dois gumes” quando usada em excesso.

Muitas hashtags elevam o alcance do conteúdo, mas também podem atrair uma audiência indesejada, ou seja, que não tem a mínima possibilidade de virar um lead qualificado. Por outro lado, hashtags específicas e personalizadas são a receita para chamar a atenção de quem realmente importa para a marca.

Não podemos nos esquecer do recurso stories que promove conteúdos de uma maneira inspiradora. Por meio dessa funcionalidade, a empresa adiciona fotos e vídeos, registra os bastidores do cotidiano interno, conta histórias e menciona produtos, eventos e serviços. Além disso, entrevistas curtas e a apresentação de novidades da marca serão ótimos ganchos para atrair a audiência.

Linkedln

O Linkedln tem um formato diferente das redes sociais já citadas, pois é voltado para o mundo corporativo. Sendo assim, as suas funcionalidades não deixam margem para a atmosfera tão descontraída quanto a de outras mídias. O tom das postagens precisa ser mais sério, mas sem apelar para a excessiva formalidade ou rigidez de linguagem.

Ele é um ótimo canal para apresentar dados, ideias e a cultura da empresa. Uma maneira de promover conteúdo nessa rede social é gerando discussões sobre o mercado em que a organização atua. Outra forma envolve a utilização do SlideShare, que permite o compartilhamento de infográficos, vídeos e outras apresentações empresariais.

Podemos apontar também o guest posting, que são artigos de empresas convidadas postados no perfil da marca. O objetivo é gerar parcerias de sucesso, aumentar a divulgação dos conteúdos e obter um maior número de acessos ao blog ou site da empresa.

Sem dúvidas, a promoção de conteúdo faz parte das melhores estratégias de marketing digital. Por isso, é essencial que a empresa tenha um bom planejamento, alinhamento e mensuração dos resultados desse processo.

Então, gostou de conhecer as dicas sobre promoção de conteúdo nos canais do marketing digital? Quer aprender mais sobre essas estratégias de divulgação? Basta assinar a nossa newsletter e você receberá todos os conteúdos indispensáveis da PostSpot diretamente na sua caixa de e-mail.

Compartilhe com seus amigos
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Deixe seu comentário

COVID-19: Dicas para ajudar seu negócio a atravessar tempos de crise. Saiba mais.

Utilizamos seus dados para analisar e personalizar nossos conteúdos e anúncios durante a sua navegação em nosso site, plataforma e em serviços de terceiros parceiros. Ao navegar pelo site, você autoriza a PostSpot a coletar tais informações e utilizá-las para estas finalidades. Em caso de dúvidas, acesse nossa Política de Privacidade.